DD Blog

Formigas fantasma (Tapinoma melanocephalum)

Classificação:
Categoria espécies: Formiga
Nome científico: Tapinoma melanocephalum
Família: Fabricius

Descrição

As Formigas-fantasma são trabalhadoras e extremamente pequenas, de 1,3 a 1,5 mm de comprimento, e monomórficas (um único tamanho). Elas têm antenas com 12 segmentos com os segmentos espessando gradualmente para a ponta. Os escapos antenais ultrapassam a fronteira occipital. Cabeça e tórax são de um castanho escuro profundo com gáster e pernas opacas ou branco leitoso. O tórax é sem espinhos. O tamanho pequeno, combinado com a cor pálida, faz com que as formigas-fantasma trabalhadoras sejam difíceis de se ver. O nome fantasma é devido ao fato do abdômen e pernas serem quase transparentes ao olho nu, com apenas a cabeça e o tórax de cor marrom escuro.

Comportamento

A formiga-fantasma é altamente adaptável em seus hábitos de nidificação. Aninha-se prontamente ao ar livre ou dentro de casa. Colonias podem ser moderada a grande porte contendo numerosas fêmeas reprodutoras (poligamia). Geralmente, as colônias ocupam locais que são demasiados pequenos ou instáveis ??para suportar grandes colônias inteiras. Os locais incluem tufos de grama morta, mas temporariamente úmida, caules de plantas, e cavidades sob detritos em aberto, que mudam rapidamente os habitats. No interior, a formiga coloniza vazios na parede ou espaços entre armários e rodapés. Esta é uma praga muito comum dentro das casas.
Novas colônias são provavelmente formadas por brotamento. Isso ocorre quando uma ou mais fêmeas reprodutivas, acompanhadas por várias operárias e, possivelmente, alguns filhotes (larvas e pupas) deixam uma colônia estabelecida para um novo local de nidificação. Não parece haver nenhuma luta interna entre os membros de diferentes colônias ou ninhos.

Riscos

Esta espécie é uma praga doméstica. Na Flórida (EUA), é considerada uma das mais importantes pragas de formigas. A formiga-fantasma não só pode invadir casas do lado de fora, mas elas podem aninhar dentro de casa também. Embora a formiga se alimente de muitos alimentos domésticos, parece mostrar uma preferência por doces, tendo sido observadas se alimentando de açúcar, bolos, e xaropes. Do lado de fora, as operárias alimentam-se de insetos mortos e atendem insetos sugadores.

FONTE: https://www.environmentalscience.bayer.pt/Pest-Management/O-que-controlar/Ghost-Ant